Variação do índice de área foliar em clones de eucalipto ao longo de seu ciclo de crescimento Report as inadecuate




Variação do índice de área foliar em clones de eucalipto ao longo de seu ciclo de crescimento - Download this document for free, or read online. Document in PDF available to download.

João Soares Vianei ; Auro Almeida Campi de ;Revista Árvore 2002, 26 (4)

Author: Alexandre Cândido Xavier

Source: http://www.redalyc.org/


Teaser



Revista Árvore ISSN: 0100-6762 r.arvore@ufv.br Universidade Federal de Viçosa Brasil Xavier, Alexandre Cândido; Soares Vianei, João; Almeida Campi de, Auro Variação do índice de área foliar em clones de eucalipto ao longo de seu ciclo de crescimento Revista Árvore, vol.
26, núm.
4, julho-agosto, 2002, pp.
421-427 Universidade Federal de Viçosa Viçosa, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=48826404 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto 421 Variação do Índice de Área Foliar em Clones de Eucalipto . VARIAÇÃO DO ÍNDICE DE ÁREA FOLIAR EM CLONES DE EUCALIPTO AO LONGO DE SEU CICLO DE CRESCIMENTO1 Alexandre Cândido Xavier 2, João Vianei Soares3e Auro Campi de Almeida4 RESUMO - O índice de área foliar (IAF) é uma das principais variáveis biofísicas de um dossel florestal, estando diretamente relacionado com a sua evapotranspiração e sua produtividade.
Este trabalho apresenta um levantamento da variabilidade temporal do IAF em cinco diferentes clones (designados para efeito deste trabalho como MG1, MG2, MG3, MG4 e MG5) de plantações de eucalipto (híbridos de Eucalyptus grandis), na regional de produção de Aracruz-ES, Brasil.
Utilizou-se o equipamento LAI-2000 para medir o IAF em 98 talhões, com didade variando de 12 a 84 meses.
o IAF variou de 1,7 a 4,3.
Houve correlação negativa significativa entre IAF e idade para os clones MG1, MG2, e MG3.
Para os clones MG4 e MG5 foi constatado que não houve relação significativa entre IAF e idade, o que evidencia que sejam adotados valores médios de IAF destes clones como descritores estruturais do dossel para fins de modelagem ou outros (2,57 e 3,04, respectivamente). Palavras-chave: LAI-2000, plantações de eucalipto, ...





Related documents