Crescimento, distribuição e acúmulo de cobre e zinco em plantas de pinhão-manso Report as inadecuate




Crescimento, distribuição e acúmulo de cobre e zinco em plantas de pinhão-manso - Download this document for free, or read online. Document in PDF available to download.

Evandro Franklin de Mesquita ; Diva Lima de Araujo ; Clébia Pereira de França ;Revista Ciência Agronômica 2010, 41 2

Author: Lucia Helena Garófalo Chaves

Source: http://www.redalyc.org/


Teaser



Revista Ciência Agronômica ISSN: 0045-6888 ccarev@ufc.br Universidade Federal do Ceará Brasil Garófalo Chaves, Lucia Helena; Franklin de Mesquita, Evandro; Lima de Araujo, Diva; Pereira de França, Clébia Crescimento, distribuição e acúmulo de cobre e zinco em plantas de pinhão-manso Revista Ciência Agronômica, vol.
41, núm.
2, abril-junio, 2010, pp.
167-176 Universidade Federal do Ceará Ceará, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=195314926001 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto Revista Ciência Agronômica, v.
41, n.
2, p.
167-176, abr-jun, 2010 Centro de Ciências Agrárias - Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, CE www.ccarevista.ufc.br Artigo Científico ISSN 1806-6690 Crescimento, distribuição e acúmulo de cobre e zinco em plantas de pinhão-manso1 Growth, distribution and content of copper and zinc in Jatropha curcas L.
plants Lucia Helena Garófalo Chaves2*, Evandro Franklin de Mesquita3, Diva Lima de Araujo4 e Clébia Pereira de França5 Resumo - Pesquisas referentes à extração de metais pesados por planta de pinhão-manso ainda são incipientes.
Com a perspectiva dessa planta ser utilizada na recuperação de solos contaminados, objetivou-se, com este trabalho, avaliar os efeitos do cobre e zinco no crescimento do pinhão-manso e o acúmulo e distribuição desses metais na planta.
Dois experimentos foram realizados em delineamentos inteiramente casualizados: no primeiro, os tratamentos consistiram em cinco doses de cobre (0; 25; 50; 75 e 100 mg dm-3) e, no segundo, quatro doses de zinco (0; 50; 100 e 150 mg dm-3), com três repetições.
Aos 50; 70; 90 e 110 dias após o semeio, foram avaliados: altura da planta, diâmetro caulinar e área foliar.
No fina...





Related documents