Dinâmica da calagem superficial em um latossolo vermelho distrófico Report as inadecuate




Dinâmica da calagem superficial em um latossolo vermelho distrófico - Download this document for free, or read online. Document in PDF available to download.

Cássio Antonio Tormena ;Revista Brasileira de Ciência do Solo 2005, 29 2

Author: Jonez Fidalski

Source: http://www.redalyc.org/


Teaser



Revista Brasileira de Ciência do Solo ISSN: 0100-0683 revista@sbcs.org.br Sociedade Brasileira de Ciência do Solo Brasil Fidalski, Jonez; Tormena, Cássio Antonio DINÂMICA DA CALAGEM SUPERFICIAL EM UM LATOSSOLO VERMELHO DISTRÓFICO Revista Brasileira de Ciência do Solo, vol.
29, núm.
2, 2005, pp.
235-247 Sociedade Brasileira de Ciência do Solo Viçosa, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=180214036009 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto DINÂMICA DA CALAGEM SUPERFICIAL EM UM LATOSSOLO VERMELHO DISTRÓFICO 235 DINÂMICA DA CALAGEM SUPERFICIAL EM UM LATOSSOLO VERMELHO DISTRÓFICO(1) Jonez Fidalski(2) & Cássio Antonio Tormena(3) RESUMO As alterações químicas do solo após a calagem superficial variam de acordo com o tempo e precipitações pluviais.
Com o objetivo de avaliar as alterações das características químicas de um Latossolo Vermelho distrófico textura média de camada superficial arenosa, foi instalado um experimento em blocos ao acaso, com quatro doses de calcário dolomítico (0; 2,4; 4,8 e 7,2 t ha-1) e três repetições, em 1999, no município de Alto Paraná, região noroeste do Paraná.
O calcário foi distribuído sobre resíduos de Brachiaria decumbens nas entrelinhas de um pomar de laranja em formação.
As parcelas experimentais foram constituídas de 310 m2, compostas por 15 plantas em três linhas com cinco plantas cada.
As amostras de solo foram coletadas nas entrelinhas das três plantas centrais da parcela nas camadas de 0-0,05, 0,05-0,10, 0,10-0,20, 0,20-0,40 e 0,40-0,60 m de profundidade, aos 4, 12, 18, 24, 31 e 37 meses após a distribuição do calcário, correspondendo alternadamente às épocas de amostragens de solo em períodos de alta e baixa p...





Related documents