O percurso da linha do cuidado sob a perspectiva das doenças crônicas não transmissíveis Report as inadecuate




O percurso da linha do cuidado sob a perspectiva das doenças crônicas não transmissíveis - Download this document for free, or read online. Document in PDF available to download.

Emerson Elias Merhy ;InterfaceComunicação, Saúde, Educação 2010, 14 34

Author: Deborah Carvalho Malta

Source: http://www.redalyc.org/


Teaser



Interface - Comunicação, Saúde, Educação ISSN: 1414-3283 intface@fmb.unesp.br Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho Brasil Malta, Deborah Carvalho; Merhy, Emerson Elias O percurso da linha do cuidado sob a perspectiva das doenças crônicas não transmissíveis Interface - Comunicação, Saúde, Educação, vol.
14, núm.
34, julio-septiembre, 2010, pp.
593-605 Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho São Paulo, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=180115835014 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto O percurso da linha do cuidado sob a perspectiva das doenças crônicas não transmissíveis Deborah Carvalho Malta1 Emerson Elias Merhy2 MALTA, D.C.; MERHY, E.E.
The path of the line of care from the perspective of nontransmissible chronic diseases.
Interface - Comunic., Saude, Educ., v.14, n.34, p.593-605, jul.-set.
2010. This study characterizes the line of care from the perspectives of micro and macropolicies and management.
The example of chronic Non-Communicable Diseases – (NCD) is taken because of their magnitude and characteristics: long-term diseases requiring intense action from caregivers, therapeutic projects, access to services and integrated actions.
The study discusses the perspective of the line of care centered on the field of users’ needs and presupposes the existence of a caregiver, use of soft technologies, adequacy of therapeutic projects, existence of service networks that support the actions needed, access to healthcare resources available and actions regarding social determinants and the regulatory process.
The development of promotion, prevention, surveillance and care policies for CNTDs is discussed, bringing in actions within the...





Related documents