A relação entre unidade estratégica de negócio, subsidiária e matriz na gestão do conhecimento da corporação multinacional Report as inadecuate




A relação entre unidade estratégica de negócio, subsidiária e matriz na gestão do conhecimento da corporação multinacional - Download this document for free, or read online. Document in PDF available to download.

Silvio Roberto Stefano ; Karine Vernerey ;RAIRevista de Administração e Inovação 2007, 4 (1)

Author: Felipe Mendes Borini

Source: http://www.redalyc.org/


Teaser



RAI - Revista de Administração e Inovação ISSN: 1809-2039 campanario@uninove.br Universidade de São Paulo Brasil Mendes Borini, Felipe; Stefano, Silvio Roberto; Vernerey, Karine A RELAÇÃO ENTRE UNIDADE ESTRATÉGICA DE NEGÓCIO, SUBSIDIÁRIA E MATRIZ NA GESTÃO DO CONHECIMENTO DA CORPORAÇÃO MULTINACIONAL RAI - Revista de Administração e Inovação, vol.
4, núm.
1, 2007, pp.
87-105 Universidade de São Paulo São Paulo, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=97317205007 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto 87 A RELAÇÃO ENTRE UNIDADE ESTRATÉGICA DE NEGÓCIO, SUBSIDIÁRIA E MATRIZ NA GESTÃO DO CONHECIMENTO DA CORPORAÇÃO MULTINACIONAL Felipe Mendes Borini Doutorando em Administração – FEA-USP Mestre em Administração – PUC-SP E-mail: fborini@globo.com [Brasil] Silvio Roberto Stefano Doutorando em Administração – FEA-USP Mestre em Administração – UEM E-mail: sstefano@sercomtel.com.br [Brasil] Karine Vernerey Mestre em Administração - Bordeaux Business School E-mail: kvernerey@gmail.com [França] Resumo O objetivo do estudo é analisar se a estrutura das unidades estratégicas de negócios (UENs) das filiais de multinacionais favorecem a criação e disseminação conhecimento para as demais UENs da própria subsidiária, de outras subsidiárias e para a matriz organizacional.
Apesar de alguns trabalhos internacionais e nacionais abordarem o assunto, o enfoque analítico do presente texto é inédito, pois o foco da discussão não é a subsidiária e matriz da empresa multinacional, mas as UENs dessas empresas e suas relações no contexto internacional da rede multinacional.
Foram realizados três estudos de caso: dois em subsidiárias de empresas multinacionais e ...





Related documents