A representação no interior das experiências de participação Report as inadecuate




A representação no interior das experiências de participação - Download this document for free, or read online. Document in PDF available to download.

Lua Nova 2007, 70

Author: Lígia Helena Hahn Lüchmann

Source: http://www.redalyc.org/


Teaser



Lua Nova ISSN: 0102-6445 luanova@cedec.org.br Centro de Estudos de Cultura Contemporânea Brasil Hahn Lüchmann, Lígia Helena A representação no interior das experiências de participação Lua Nova, núm.
70, 2007, pp.
139-170 Centro de Estudos de Cultura Contemporânea São Paulo, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=67307007 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto Lígia Helena Hahn Lüchmann A REPRESENTAÇÃO NO INTERIOR DAS EXPERIÊNCIAS DE PARTICIPAÇÃO Lígia Helena Hahn Lüchmann Elementos centrais da teoria democrática, as noções de participação e representação vêm demarcando, historicamente, as principais diferenças na confusa – e polissêmica – trajetória da constituição de modelos de democracia1.
Trata-se de dois conceitos que, por marcarem diferenças significativas nas orientações normativas acerca da melhor forma de governo, tendem a ser dicotomizados nas reflexões e proposições teórico-analíticas, carregando uma disputa de representações e orientações acerca do significado e do papel da política e da democracia em nossas sociedades.
Assim, embora referenciados na idéia de participação política, ambos os conceitos registram, com orientações diversas, dois modelos centrais de organização política democrática, quais sejam: o modelo da democracia representativa (R), ancorado na idéia de que as decisões políticas são derivadas das instâncias formadas por representantes escolhidos por sufrágio universal; e o modelo da democracia participativa (P), por sua vez, assentado na idéia de que compete aos cidadãos, no seu conjunto, a definição e autorização das decisões políticas.
No primeiro caso, como sabemos, o ponto 1 Seguindo anál...





Related documents