Desigualdades sociais e tuberculose: análise segundo raça-cor, mato grosso do sul Report as inadecuate




Desigualdades sociais e tuberculose: análise segundo raça-cor, mato grosso do sul - Download this document for free, or read online. Document in PDF available to download.

Marli Marques ; Roselene Lopes de Oliveira ; Eunice Atsuko Totumi Cunha ; Ana Paula da Costa Resendes ; Reinaldo Souza-Santos ;Revista de Saúde Pública 2013, 47 5

Author: Paulo Cesar Basta

Source: http://www.redalyc.org/


Teaser



Revista de Saúde Pública ISSN: 0034-8910 revsp@usp.br Universidade de São Paulo Brasil Basta, Paulo Cesar; Marques, Marli; Lopes de Oliveira, Roselene; Totumi Cunha, Eunice Atsuko; da Costa Resendes, Ana Paula; Souza-Santos, Reinaldo Desigualdades sociais e tuberculose: análise segundo raça-cor, Mato Grosso do Sul Revista de Saúde Pública, vol.
47, núm.
5, octubre, 2013, pp.
854-864 Universidade de São Paulo São Paulo, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=67240208003 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto Rev Saúde Pública 2013;47(5):854-64 Artigos Originais Paulo Cesar BastaI Desigualdades sociais e tuberculose: análise segundo raça-cor, Mato Grosso do Sul Marli MarquesII Roselene Lopes de OliveiraIII Eunice Atsuko Totumi CunhaIV DOI:10.1590-S0034-8910.2013047004628 Ana Paula da Costa ResendesI Reinaldo Souza-SantosI Social inequalities and tuberculosis: an analysis by race- color in Mato Grosso do Sul, Brazil RESUMO OBJETIVO: Analisar características sociodemográficas e clínicoepidemiológicas dos casos de tuberculose e fatores associados ao abandono e ao óbito na vigência do tratamento. MÉTODOS: Estudo epidemiológico baseado em dados notificados de tuberculose em indígenas e não indígenas, segundo raça-cor, em Mato Grosso do Sul, entre 2001 e 2009.
Realizou-se análise descritiva dos casos de acordo com as variáveis sexo, faixa etária, zona de residência, exames empregados para o diagnóstico, forma clínica, tratamento supervisionado e situação de encerramento, segundo raça-cor.
Utilizou-se análise univariada e múltipla por meio de regressão logística para identificar preditores de abandono e óbito, e odds ratio como medida de associação.
Foi cons...





Related documents