Estigmas, guetos e -gentrificação-: a segregação homossexual em brasília Report as inadecuate




Estigmas, guetos e -gentrificação-: a segregação homossexual em brasília - Download this document for free, or read online. Document in PDF available to download.

Sociedade e Estado 2008, 23 3

Author: Cristina Monteiro de Queiroz

Source: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=339930894023


Teaser



Sociedade e Estado ISSN: 0102-6992 revistasol@unb.br Universidade de Brasília Brasil Monteiro de Queiroz, Cristina Estigmas, guetos e “gentrificação”: a segregação homossexual em Brasília Sociedade e Estado, vol.
23, núm.
3, septiembre-diciembre, 2008, pp.
802-803 Universidade de Brasília Brasília, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=339930894023 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto 802 Resumos das teses e dissertações apresentadas no PPG-SOL-UnB Estigmas, guetos e “gentrificação”: a segregação homossexual em Brasília Cristina Monteiro de Queiroz Curso: Mestrado em Sociologia Data da defesa: 30 de junho de 2008 Orientador: Prof.
Dr.
Brasilmar Ferreira Nunes Resumo A pesquisa tem como objetivo entender a segregação homossexual nos espaços de lazer na cidade de Brasília, abordando os conceitos de segregação espacial − especialmente os de guetos e “gentrificação” − e a noção de estigma.
A intenção é compreender como os próprios homossexuais entendem e percebem os lugares que freqüentam.
Para tanto, foram estabelecidas três hipóteses na pesquisa: i) hipótese do gueto, que afirma que a segregação social nas metrópoles − neste caso, Brasília − produz uma articulação entre espaço social e espaço físico que qualifica certas áreas da cidade como guetos, não como áreas “gentrificadas”; ii) hipótese do estigma, que infere que a imposição ou voluntarismo de certos grupos a guetos está intimamente ligada ao tipo de estigma (desacreditado ou desacreditável) sofrido pelos integrantes desses mesmos grupos; e iii) hipótese do voluntarismo, que classifica os homossexuais como desacreditáveis e, portanto, a sua segregação a certos...





Related documents