Crenças e tabus relacionados ao cuidado no pós-parto: o significado para um grupo de mulheres Report as inadecuate




Crenças e tabus relacionados ao cuidado no pós-parto: o significado para um grupo de mulheres - Download this document for free, or read online. Document in PDF available to download.

Ana Márcia Spanó Nakano ; Flávia Azevedo Gomes ;Acta Paulista de Enfermagem 2008, 21 2

Author: Juliana Stefanello

Source: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=307023824007


Teaser



Acta Paulista de Enfermagem ISSN: 0103-2100 ape@unifesp.br Escola Paulista de Enfermagem Brasil Stefanello, Juliana; Spanó Nakano, Ana Márcia; Azevedo Gomes, Flávia Crenças e tabus relacionados ao cuidado no pós-parto: o significado para um grupo de mulheres Acta Paulista de Enfermagem, vol.
21, núm.
2, 2008, pp.
275-281 Escola Paulista de Enfermagem São Paulo, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=307023824007 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto Artigo Original Crenças e tabus relacionados ao cuidado no pós-parto: o significado para um grupo de mulheres* Beliefs and taboos related to the care after delivery: their meaning for a women group Creencias y tabúes relacionados al cuidado en el postparto: el significado para un grupo de mujeres Juliana Stefanello1, Ana Márcia Spanó Nakano2, Flávia Azevedo Gomes3 RESUMO Objetivo: Identificar os significados do cuidado na fase puerperal no contexto familiar.
Métodos: Trata-se de uma pesquisa qualitativa, desenvolvida com 12 puérperas e respectivos familiares (11) que as auxiliavam no cuidado pós-parto.
Utilizou-se entrevistas semi-estruturadas. Os dados foram analisados com base na técnica de análise de conteúdo, modalidade temática.
Resultados: No puerpério é preciso ter cuidado dobrado, por haver reflexos na mãe e no filho além da vulnerabilidade do corpo, aberto a doenças.
Articuladas a estas idéias é que se justificam as recomendações e restrições como componentes do cuidado no pós-parto.
Conclusão: O cuidado na fase puerperal é uma prática feminina permeada de crenças e tabus, que outorga às mulheres um poder de agentes nesse processo, já que trazem consigo conhecimentos de muitas gerações ao mesmo tempo ...





Related documents