reseña de -juventudes, subjetivações e violências- de bocayuva, h. & nunes, s. a. orgs. Report as inadecuate




reseña de -juventudes, subjetivações e violências- de bocayuva, h. & nunes, s. a. orgs. - Download this document for free, or read online. Document in PDF available to download.

Stela Luiza de Moura Aranha ;Psicologia Clínica 2010, 22 2

Author: Maria Theresa da Costa Barros

Source: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=291022025013


Teaser



Psicologia Clínica ISSN: 0103-5665 psirevista@puc-rio.br Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro Brasil da Costa Barros, Maria Theresa; de Moura Aranha, Stela Luiza Reseña de -Juventudes, subjetivações e violências- de Bocayuva, H.
& Nunes, S.
A.
(Orgs.) Psicologia Clínica, vol.
22, núm.
2, 2010, pp.
199-207 Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro Rio De Janeiro, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=291022025013 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto issn 0103-5665 • 199 Juventudes, subjetivações e violências Youth, violence and subjectivations Maria Theresa da Costa Barros* Stela Luiza de Moura Aranha** Resenha de: Bocayuva, H.
& Nunes, S.
A.
(Orgs.).
(2009).
Juventudes, subjetivações e violências.
Rio de Janeiro: Contra Capa, 160 páginas. Juventudes, subjetivações e violências oferece ao leitor contribuições de especialistas provenientes dos mais diversos campos do saber: antropologia, direito, história, literatura, psicanálise, psicologia e sociologia.
Promove um debate fecundo sobre uma questão que, certamente, se encontra entre as mais importantes levantadas nos últimos tempos: o campo da produção das subjetivações em sua relação com as violências, marca indubitável das juventudes brasileiras desde a época das lutas contra a escravatura.
Essa questão atravessa todo o século XX e, nesta primeira década do século XXI, constitui-se num verdadeiro desafio para as políticas públicas da infância e da adolescência no Brasil. O sucesso deste empreendimento pode ser mensurado não apenas pelas respostas que estes especialistas deram a essa indagação, mas também pelo emprego * Mestre em Teoria Psicanalítica pelo Institu...





Related documents