Adaptação e validação do instrumento posições sobre o processo de enfermagem Report as inadecuate




Adaptação e validação do instrumento posições sobre o processo de enfermagem - Download this document for free, or read online. Document in PDF available to download.

Regina Marcia Cardoso de Sousa ; Ruth Natalia Teresa Turrini ; Valéria Troncoso Baltar ; Diná de Almeida Lopes Monteiro da Cruz ;Revista Latino-Americana de Enfermagem 2013, 21 1

Author: Erika de Souza Guedes

Source: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=281425765016


Teaser



Revista Latino-Americana de Enfermagem ISSN: 0104-1169 rlae@eerp.usp.br Universidade de São Paulo Brasil de Souza Guedes, Erika; Cardoso de Sousa, Regina Marcia; Turrini, Ruth Natalia Teresa; Troncoso Baltar, Valéria; Lopes Monteiro da Cruz, Diná de Almeida Adaptação e validação do instrumento Posições sobre o Processo de Enfermagem Revista Latino-Americana de Enfermagem, vol.
21, núm.
1, enero-febrero, 2013, pp.
1-8 Universidade de São Paulo São Paulo, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=281425765016 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto Rev.
Latino-Am.
Enfermagem Artigo Original 21(1):[08 telas] jan.-fev.
2013 www.eerp.usp.br-rlae Adaptação e validação do instrumento Posições sobre o Processo de Enfermagem1 Erika de Souza Guedes2 Regina Marcia Cardoso de Sousa3 Ruth Natalia Teresa Turrini4 Valéria Troncoso Baltar5 Diná de Almeida Lopes Monteiro da Cruz3 Objetivo: estimar as propriedades psicométricas da adaptação do instrumento Posições frente ao Diagnóstico de Enfermagem, para avaliar as atitudes do pessoal de enfermagem com relação ao processo de enfermagem.
Método: trata-se de estudo metodológico com amostra não probabilística de 973 auxiliares de enfermagem e 632 enfermeiros de 35 hospitais e ambulatórios vinculados à Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo.
A validade do instrumento de 20 itens foi verificada por meio da análise fatorial confirmatória que identificou um fator mais geral no segundo nível, formado pelos três fatores clássicos de atitudes, sendo que a confiabilidade foi de 0,954 para o total do instrumento.
Resultados: o instrumento Posições sobre o Processo de Enfermagem tem validade e confiabilidade adequadas.
Conclusõe...





Related documents