Economia clínica e enfermagem Report as inadecuate




Economia clínica e enfermagem - Download this document for free, or read online. Document in PDF available to download.

Revista Latino-Americana de Enfermagem 2015, 23 6

Author: Franz Porzsolt

Source: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=281442811001


Teaser



Revista Latino-Americana de Enfermagem E-ISSN: 1518-8345 rlae@eerp.usp.br Universidade de São Paulo Brasil Porzsolt, Franz Economia Clínica e Enfermagem Revista Latino-Americana de Enfermagem, vol.
23, núm.
6, noviembre-diciembre, 2015, pp.
989-990 Universidade de São Paulo Ribeirão Preto, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=281442811001 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto 989 Editorial Rev.
Latino-Am.
Enfermagem nov.-dez.
2015;23(6):989-90 DOI: 10.1590-0104-1169.0000.2640 www.eerp.usp.br-rlae Economia Clínica e Enfermagem Franz Porzsolt Em um de nossos artigos recentes, combinamos os objetivos de qualidade clássicos de Donabedian - estrutura, processo e resultado(1) - com as perspectivas clínico-econômicas de diferentes disciplinas, ou seja, as perspectivas individuais, específicas a um grupo e as sociais. Considerar diferentes perspectivas - incluindo a perspectiva dos pacientes - é um dos requisitos fundamentais da Economia Clínica (CLINECS).
CLINECS significa aplicar princípios econômicos aos serviços de saúde.
O significado da palavra “econômico” não deve ser confundido com o significado da palavra “comercial”. Uma análise econômica completa inclui três partes: 1) “custos”, isto é, o que você tem que aceitar, tais como a hospitalização, os efeitos colaterais, o risco de um tratamento ou custos monetários, 2) “consequências”, isto é, o que você vai receber de volta, como uma solução para seu problema de saúde, 3) “formas alternativas de ações”, o que significa que você tem sempre que comparar os custos e as consequências de pelo menos duas ou mais possíveis ações.
Decisões clínico-econômicas são uma ferramenta útil par...





Related documents