Análise da sobrecarga familiar no cuidado de um membro com transtorno mental Report as inadecuate




Análise da sobrecarga familiar no cuidado de um membro com transtorno mental - Download this document for free, or read online. Document in PDF available to download.

Mariana Gonçalves Boeckel ;Saúde & Transformação SocialHealth & Social Change 2012, 3 2

Author: Silvia Schein

Source: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=265323670007


Teaser



Saúde & Transformação Social - Health & Social Change E-ISSN: 2178-7085 rodrigomoretti@ccs.ufsc.br Universidade Federal de Santa Catarina Brasil Schein, Silvia; Gonçalves Boeckel, Mariana Análise da sobrecarga familiar no cuidado de um membro com transtorno mental Saúde & Transformação Social - Health & Social Change, vol.
3, núm.
2, 2012, pp.
32-42 Universidade Federal de Santa Catarina Santa Catarina, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=265323670007 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto 32 Saúde & Transformação Social Health & Social Change Artigos Originais Análise da sobrecarga familiar no cuidado de um membro com transtorno mental Family overburden analyze in mental disorder’s family member care Silvia Schein¹ Mariana Gonçalves Boeckel2 2 ¹Psicologa, Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, RS, Brasil Doutoranda de Psicologia da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, RS, Brasil RESUMO - Com a desinstitucionalização vigente no Brasil através da Lei da Reforma Psiquiátrica, a responsabilidade pelo cuidado do sujeito com transtorno mental grave voltou a ser da família, cabendo aos serviços substitutivos a promoção do atendimento integrado de usuários e familiares.
O presente artigo teve como objetivo investigar a sobrecarga na vida do familiar que cuida de um membro da sua família com transtorno mental grave.
Utilizou-se de método misto, em que participaram sete cuidadores familiares de usuários de um CAPS (Centro de Atenção Psicossocial), localizado no interior do Rio Grande do Sul.
Os instrumentos utilizados para a coleta das informações foram um questionário sobre dados sócio-demográficos e informações clínicas...





Related documents