A conjuntura das escolhas públicas. recuperação fragmentada e indústria da influência Report as inadecuate




A conjuntura das escolhas públicas. recuperação fragmentada e indústria da influência - Download this document for free, or read online. Document in PDF available to download.

Revista de Administração PúblicaRAP 2011, 45 6

Author: Jorge Vianna Monteiro

Source: http://www.redalyc.org/


Teaser



Revista de Administração Pública - RAP ISSN: 0034-7612 deborah@fgv.br Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas Brasil Vianna Monteiro, Jorge A conjuntura das escolhas públicas.
Recuperação fragmentada e indústria da influência Revista de Administração Pública - RAP, vol.
45, núm.
6, noviembre-diciembre, 2011, pp.
1993-2004 Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas Rio de Janeiro, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=241021387017 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto issn 0034-7612 A conjuntura das escolhas públicas Coordenação: Jorge Vianna Monteiro * Um comentário estabelecido a partir do modelo analítico da public choice — uma vertente da moderna economia política que considera as políticas públicas resultado da interação social, sob instituições de governo representativo. Recuperação fragmentada e indústria da influência S u m á r i o : I.
Introdução; II.
A falta que faz uma moldura analítica; III.
Novas lições da economia norte-americana; IV.
Recuperação econômica e um extraordinário enfrentamento político; V.
Conclusão. I.
Introdução A economia política brasileira e mundial oferece em 2011 extraordinários episódios que permitem avançar simultaneamente com a observação de quão limitada é a capacidade da análise econômica convencional, tanto quanto para que se observe em que dimensões podem-se esperar que esse status quo analítico evolua: em uma frente mais específica, pode-se notar a falta que faz não ter o enquadramento analítico apropriado para estabelecer a regulação da “indús- t * Professor de políticas públicas da Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas da F...





Related documents