A dor da alma nas reflexões sobre a vaidade de matias aires 1952 Report as inadecuate




A dor da alma nas reflexões sobre a vaidade de matias aires 1952 - Download this document for free, or read online. Document in PDF available to download.

Revista Latinoamericana de Psicopatologia Fundamental 2009, 12 2

Author: Paulo José Carvalho da Silva

Source: http://www.redalyc.org/


Teaser



Revista Latinoamericana de Psicopatologia Fundamental ISSN: 1415-4714 psicopatologiafundamental@uol.com.br Associação Universitária de Pesquisa em Psicopatologia Fundamental Brasil Silva, Paulo José Carvalho da A dor da alma nas reflexões sobre a vaidade de Matias Aires (1952) Revista Latinoamericana de Psicopatologia Fundamental, vol.
12, núm.
2, junio, 2009, pp.
366-378 Associação Universitária de Pesquisa em Psicopatologia Fundamental São Paulo, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=233016517010 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto R E V I S T A L AT I N OA M E R I C A N A DE PSICOPATOLOGIA F U N D A M E N T A L Rev.
Latinoam.
Psicopat.
Fund., São Paulo, v.
12, n.
2, p.
366-378, junho 2009 A dor da alma nas reflexões sobre a vaidade de Matias Aires (1952)* Paulo José Carvalho da Silva 366 Este artigo analisa as relações entre a vaidade e o sofrimento conforme a obra Reflexões sobre a vaidade dos homens, do filósofo paulista Matias Aires Ramos da Silva de Eça (1705-1763).
Discutem-se algumas fontes de seu pensamento e conclui-se que o autor faz uma fina e ainda atual análise da alma humana. Palavras-chave: Vaidade, sofrimento, Matias Aires * Pesquisa realizada com apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo – Fapesp. MEDICINA DA ALMA A vaidade parece ser a paixão da contemporaneidade.
Homens e mulheres parecem, mais do nunca, condicionarem sua felicidade e realização pessoal aos ideais ditados pela vaidade.
E isso não se limita à exibição da beleza, juventude e poder econômico.
Hoje em dia, mais vale ter uma foto na capa da revista do que realmente ter algo importante ou novo a dizer.
A inteligência, a elegância e a discrição pare...





Related documents