Otimização da desidratação osmótica da haste central de abacaxi pérola utilizando a metodologia de surperfície de resposta Report as inadecuate




Otimização da desidratação osmótica da haste central de abacaxi pérola utilizando a metodologia de surperfície de resposta - Download this document for free, or read online. Document in PDF available to download.

R. P. GUSMÃO ;HOLOS 2012, 4

Author: R. S. FALCÃO FILHO

Source: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=481549278008


Teaser



HOLOS ISSN: 1518-1634 holos@ifrn.edu.br Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte Brasil FALCÃO FILHO, R.
S.; GUSMÃO, R.
P. OTIMIZAÇÃO DA DESIDRATAÇÃO OSMÓTICA DA HASTE CENTRAL DE ABACAXI PÉROLA UTILIZANDO A METODOLOGIA DE SURPERFÍCIE DE RESPOSTA HOLOS, vol.
4, 2012, pp.
90-98 Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte Natal, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=481549278008 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto FALCÃO FILHO & GUSMÃO (2012) OTIMIZAÇÃO DA DESIDRATAÇÃO OSMÓTICA DA HASTE CENTRAL DE ABACAXI PÉROLA UTILIZANDO A METODOLOGIA DE SURPERFÍCIE DE RESPOSTA 2 R.
S.
FALCÃO FILHO¹ e R.
P.
GUSMÃO ¹INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE – Professor do Câmpus Currais Novos 2 UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE – Doutorando do PPGEQ ronaldo.falcao@ifrn.edu.br – rennangusmao@bol.com.br Artigo submetido em agosto-2012 e aceito em setembro-2012 RESUMO O presente artigo teve como objetivo otimizar o processo de desidratação osmótica de fatias de hastes centrais de abacaxis pérola a partir das variáveis de processo: temperatura, concentração da solução osmótica e proporção fruta-solução osmótica.
A desidratação osmótica (D.O.) de fatias de talo de abacaxi em soluções de sacarose foi realizada em estufa com circulação de ar e estudada mediante planejamento 3 experimental fatorial 2 com 4 repetições no ponto central, totalizando 12 experimentos.
As três variáveis independentes para o processo foram: temperatura (T) e concentração da solução osmótica (C) e proporção fruta-solução osmótica (F:SO). Realizou-se o ajuste de ...





Related documents