Estudo de síntese e transição entre as fases zeolíticas sodalita e cancrinita Report as inadecuate




Estudo de síntese e transição entre as fases zeolíticas sodalita e cancrinita - Download this document for free, or read online. Document in PDF available to download.

F. A. C. M. PASSOS ; A. A. S. SILVA ; C. N. BARBATO ; J. A. SAMPAIO ; F. M. S. GARRIDO ; F. A. N. G SILVA ;HOLOS 2014, 3

Author: C. G. M. SANTOS

Source: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=481547172035


Teaser



HOLOS ISSN: 1518-1634 holos@ifrn.edu.br Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte Brasil SANTOS, C.
G.
M.; PASSOS, F.
A.
C.
M.; SILVA, A.
A.
S.; BARBATO, C.
N.; SAMPAIO, J.
A.; GARRIDO, F.
M.
S.; G SILVA, F.
A.
N. ESTUDO DE SÍNTESE E TRANSIÇÃO ENTRE AS FASES ZEOLÍTICAS SODALITA E CANCRINITA HOLOS, vol.
3, 2014, pp.
299-308 Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte Natal, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=481547172035 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto SANTOS ET AL.
(2014) ESTUDO DE SÍNTESE E TRANSIÇÃO ENTRE AS FASES ZEOLÍTICAS SODALITA E CANCRINITA C.
G.
M.
SANTOS2,3, F.
A.
C.
M.
PASSOS2,3, A.
A.
S.
SILVA1,2, C.
N.
BARBATO3, J.
A.
SAMPAIO2 e F.
M.
S. GARRIDO1, F.
A.
N.
G SILVA1 1 Instituto de Química-Universidade Federal do Rio de Janeiro. 2 Centro de Tecnologia Mineral (CETEM-MCTI). 3 Escola de Química-Universidade Federal do Rio de Janeiro. cgsantos@cetem.gov.br, asoeiro@cetem.gov.br, carla.barbato@iq.com.br, jsampaio@cetem.gov.br, chico@iq.ufrj.br, fnogueira@iq.ufrj.br Artigo submetido em novembro-2013 e aceito em fevereiro-2014 DOI: http:--dx.doi.org-10.15628-holos.2014.1823 RESUMO Para a síntese hidrotermal das zeólitas foi utilizado como fonte de alumínio e de silício o caulim da região Borborema-Seridó (PB-RN) in natura e tratado termicamente a 500, 700 e 900°C por 2 horas.
As amostras in natura e ativadas termicamente foram caracterizadas por difração de raios X e espectroscopia no infravermelho.
A síntese da fase sodalita e a transição para a fase cancrinita foram investigadas em diferentes condições estequiométricas.
Na síntese A, a razão molar entre caulinita-metacaulinita, reag...





Related documents