Fundamentação teórica e experiência da -pobreza- institucional Report as inadecuate




Fundamentação teórica e experiência da -pobreza- institucional - Download this document for free, or read online. Document in PDF available to download.

Dong XIAODAN ; Yang DIANCHUANG ;Argumentum 2011, 3 1

Author: Wen TIEJUN

Source: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=475547532008


Teaser



Argumentum E-ISSN: 2176-9575 revistaargumentum@yahoo.com.br Universidade Federal do Espírito Santo Brasil TIEJUN, Wen; XIAODAN, Dong; DIANCHUANG, Yang Fundamentação teórica e experiência da “pobreza” institucional Argumentum, vol.
3, núm.
1, enero-junio, 2011, pp.
82-107 Universidade Federal do Espírito Santo Vitória, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=475547532008 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto ARTIGO Fundamentação teórica e experiência da “pobreza” institucional The theoretical framework and experience of institutional “being poor1” Wen TIEJUN* Dong XIAODAN** Yang DIANCHUANG*** Resumo: Simultaneamente adotando e descartando teorias do desenvolvimento com elementos eurocentristas, este trabalho tenta inovar a teoria da pobreza da economia institucional propondo a hipótese da assimetria de custos e benefícios na estrutura institucional.
Revisa e analisa um entendimento histórico comum: que a transferência de custos é a causa intrínseca da pobreza dos países subdesenvolvidos durante diferentes estágios do desenvolvimento do capitalismo.
Este texto é parte de uma reflexão maior.
Em outro artigo, analisamos a experiência e o mecanismo intrínseco através do qual a China evita ‚*… a armadilha do desenvolvimento *… ‛ que aprisiona países em desenvolvimento de um modo geral. Palavras-chave: Pobreza institucional, lógica histórica, acumulação primitiva, transferência de custo Abstract: While inheriting and discarding development theories with Euro-centrist elements, this paper endeavors to innovate the theory of being poor in institutional economics by proposing the hypothesis of the asymmetry of cost and benefit in the institutional struct...





Related documents