Quedas em idosos não institucionalizados no norte de minas gerais: prevalência e fatores associados Report as inadecuate




Quedas em idosos não institucionalizados no norte de minas gerais: prevalência e fatores associados - Download this document for free, or read online. Document in PDF available to download.

Gizele Carmen Fagundes Ramos ; Ana Teresa Fernandes Barbosa ; Élen Débora Souza Vieira ; Jéssica Santos Rocha Silva ; Antônio Prates Caldeira ;Revista Brasileira de Geriatria e Gerontologia 2016, 19 4

Author: Jair Almeida Carneiro

Source: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=403847457006


Teaser



Revista Brasileira de Geriatria e Gerontologia ISSN: 1809-9823 revistabgg@gmail.com Universidade do Estado do Rio de Janeiro Brasil Almeida Carneiro, Jair; Fagundes Ramos, Gizele Carmen; Fernandes Barbosa, Ana Teresa; Souza Vieira, Élen Débora; Santos Rocha Silva, Jéssica; Prates Caldeira, Antônio Quedas em idosos não institucionalizados no norte de Minas Gerais: prevalência e fatores associados Revista Brasileira de Geriatria e Gerontologia, vol.
19, núm.
4, julio-agosto, 2016, pp.
613625 Universidade do Estado do Rio de Janeiro Rio de Janeiro, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=403847457006 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto Quedas em idosos não institucionalizados no norte de Minas Gerais: prevalência e fatores associados Falls among the non-institutionalized elderly in northern Minas Gerais, Brazil: prevalence and associated factors Jair Almeida Carneiro1 Gizele Carmen Fagundes Ramos1 Ana Teresa Fernandes Barbosa2 Élen Débora Souza Vieira3 Jéssica Santos Rocha Silva3 Antônio Prates Caldeira4 Resumo Objetivo: Estimar a prevalência de quedas e os fatores associados em idosos não institucionalizados.
Métodos: Estudo transversal com amostra de base populacional de idosos não institucionalizados em cidade polo do norte de Minas Gerais.
Foram conduzidas entrevistas nos domicílios por equipe especialmente treinada utilizando instrumentos validados.
Investigou-se a associação entre a ocorrência de quedas e variáveis demográficas, socioeconômicas e relacionadas à saúde.
Após análise bivariada, as variáveis associadas até o nível de 20% foram analisadas conjuntamente por meio de regressão logística, assumindo-se nessa fase o nível de significância de 5%.
Resul...





Related documents