Por que o programa minha casa minha vida só poderia acontecer em um governo petista? Report as inadecuate




Por que o programa minha casa minha vida só poderia acontecer em um governo petista? - Download this document for free, or read online. Document in PDF available to download.

Cadernos Metrópole 2016, 18 35

Author: Danielle Klintowitz

Source: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=402844839007


Teaser



Cadernos Metrópole ISSN: 1517-2422 cadernosmetropole@outlook.com Pontifícia Universidade Católica de São Paulo Brasil Klintowitz, Danielle Por que o Programa Minha Casa Minha Vida só poderia acontecer em um governo petista? Cadernos Metrópole, vol.
18, núm.
35, abril, 2016, pp.
165-190 Pontifícia Universidade Católica de São Paulo São Paulo, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=402844839007 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto Por que o Programa Minha Casa Minha Vida só poderia acontecer em um governo petista? Why could the Minha Casa Minha Vida Program only have happened in a government headed by the Labor Party? Danielle Klintowitz Resumo No período de gestão do Partido dos Trabalhadores (PT) no governo federal, configurou-se uma dupla agenda para a política habitacional: a primeira ligada à plataforma de reforma urbana, com previsão de descentralização e gestão participativa, e a segunda consubstanciada na premissa de reestruturação do setor imobiliário, estruturada em uma política exclusiva de provisão habitacional com promoção privada e financiamento público.
Esse modelo de governança garantiu a distribuição de benefícios a ambas coalizões que representavam essas agendas, além de ter legitimado a política habitacional na agenda pública. No presente trabalho, analisou-se a trajetória do principal programa habitacional desenvolvido na época (MCMV), discutindo suas implicações para o direito à moradia e o papel dos atores do setor habitacional neste contexto. Abstract Since the Labor Party has been governing Brazil, there has been a double agenda for the housing policy: the first one is linked to the urban reform platform, with a forecast of decentr...





Related documents